quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Skechers Gorun 400 - "Correr, treinar e andar no dia-a-dia"


SKECHERS GORUN 400: AMORTECIMENTO E FLEXIBILIDADE PARA CORRER, TREINAR E ANDAR NO DIA-A-DIA




As novas sapatilhas Skechers GOrun 400 são ideais para quem procuram um calçado preciso e ligeiro que prime pela flexibilidade e capacidade de amortecer o impacto dos exercícios dentro e fora do ginásio. Integram a gama Skechers Performance, mas são adequadas para treinos brandos. O design jovial torna-as perfeitas para complementar os visuais diários com um toque desportivo e confortável. 



    
A sola GOimpulse possui sensores que fornecem tração ao piso e a entre sola dispõe da mais recente tecnologia 5 GENTM, uma nova geração do material Resalyte que contribui para um maior amortecimento, leveza e impulso.

Além disso, possuí uma palmilha Goga Run que eleva a experiência das palmilhas Goga Mat™ - inspiradas em colchões de ioga, oferecem um enorme conforto e absorção do impacto, mantendo a passada firme e segura -, para as necessidades dos treinos mais intensivos. As sapatilhas possuem ainda um upper superior respirável e reforços no calcanhar e ante pé.

Os modelos GOrun 400 estão disponíveis na loja Skechers Rossio e nas lojas Skechers do C.C. Fórum Almada, C.C. Vasco da Gama, C.C. Colombo, C.C. Cascaishopping, Forum Algarve, Algarve Shopping, C.C. Arrábida Shopping, Fórum Coimbra, C.C. The Style Outlet. Os modelos da marca estão também à venda nas lojas Sport Zone e em outros pontos de venda autorizados.


quarta-feira, 2 de novembro de 2016

São Silvestre Manuel dos Santos Almeida - 2016



A Câmara Municipal, em co-organização com a Termalistur e a União de Freguesias de S. Pedro do Sul, Várzea e Baiões vai levar a cabo a 4.ª edição da Corrida S. Silvestre, denominada Manuel dos Santos Almeida.

A prova decorrerá no sábado, dia 17 de dezembro, com início às 19:00 horas, num percurso com 10000 metros, entre S. Pedro do Sul e as Termas.

Podem participar atletas federados e atletas representantes do INATEL, Estabelecimentos de Ensino, Núcleos de Atletismo, Associações Culturais e Recreativas, bem como atletas individuais, nos escalões de Absolutos Femininos e Absolutos Masculinos e de Veteranos Masculinos.

As inscrições têm o custo de 5,00€ e devem ser efectuadas em www.stopandgo.com.pt ou no Complexo Desportivo Municipal até às 17h30m do dia 9 de dezembro. Após essa data as inscrições terão o custo de 8,00€, sendo que a inscrição só é válida, após pagamento.

Todos os participantes terão direito a t’shirt alusiva à prova e a medalha de participação.

New York City Marathon a emoção de uma das melhoras maratonas no Eurosport



Quenianos à procura de novo triunfo 
na Maratona de Nova Iorque


Acompanhe toda a emoção de uma das melhores maratonas do mundo, no domingo dia 6 de novembroa partir das 14h30, em direto no Eurosport 1. Comentários a cargo da dupla de especialistas de atletismo do canal Luís Lopes e António Lopes. 


O Eurosport 1 emite no dia 6 de novembro a Maratona de Nova Iorque, uma das maiores e mais importantes provas de atletismo do mundo, que conta com cerca de 54 mil participantes. Esta maratona, que percorre as ruas dos bairros da cidade e vários locais emblemáticos, forma parte dos “Majors”, juntamente com Londres, Chicago, Boston, Berlim e Tóquio. 

Criada em 1970 por Fred Lebow, um entusiasta das maratonas, a prova veio a ganhar prestígio e cada vez um maior número de participantes de ano para ano. Em 2016, a Maratona de Nova Iorque cumpre a sua 46.º edição. O percurso de 42,195 quilómetros tem início em Staten Island, passa por Brooklyn, Queens, Bronx e termina em Manhattan, no Central Park.

A norueguesa Grete Waitz é a atleta com maior número de vitórias na prova, com um total de nove no espaço de apenas 11 anos. No setor masculino, os quenianos têm dominado nos últimos anos e estão a apenas uma vitória de igualar as 14 dos Estados Unidos, nação que ocupa o primeiro lugar da tabela. 

No que diz respeito a recordes, Margaret Okayo, do Quénia, continua a impor a marca de 2:22.31 estabelecida em 2003, enquanto nos homens Geoffrey Mutai, também do Quénia, conseguiu cortar a meta com um tempo de 2:05.06.

Em 2012 o furacão Sandy obrigou ao cancelamento da prova pela primeira vez desde a sua criação em 1970.

Na edição de 2015, o triunfo foi para o Quénia com Mary Keitany a dominar nas senhoras, com o tempo de 2:22.25, e Stanley Biwott a cortar a meta em primeiro nos homens com o tempo de 2:10.25. Ambos vão estar presentes para defenderem o título.

No ano passado, a prova contou com a excelente prestação da portuguesa Sara Moreira. Na sua segunda presença em Nova Iorque, a atleta do Sporting terminou na quarta posição, com o tempo de 2:24.25, sendo a melhor entre as não africanas. Ficou fora do pódio depois do terceiro lugar de 2014. Já a outra portuguesa Ana Dulce Félix abandonou perto dos 32 quilómetros.

António Lopes, comentador de atletismo do Eurosport“A maratona de Nova Iorque é a maior do mundo e tem um número recorde de participantes. É uma das mais competitivas e passa por zonas emblemáticas da Big Apple. Ao nível da competição, pode esperar-se um bom espetáculo. Prevê-se que possa uma das mais rápidas do ano no seguimento de resultados de outras edições. 

Os africanos apresentam-se novamente com um elenco muito forte com atletas como Stanley Biwott do Quénia, Lelisa Desisa da Etiópia e o campeão do mundo Ghirmay Ghebreslassie da Eritreia a partilharem o favoritismo. Os americanos apresentam um grupo forte com destaque para Dathan Ritzenhein, determinado em desafiar a hegemonia africana dos últimos anos. A última vez que um atleta da casa venceu a maratona foi em 2009 com o triunfo de Meb Keflezighi.

Nas senhoras, destacam-se as presenças da campeã em título, Mary Keitany, e de Aselefech Mergia, da Etiópia. Entre as norte-americanas, o destaque vai para a duas vezes vencedora da meia maratona de Nova Iorque, Molly Huddle, que se estreia na distância completa”.


Luís Lopes, comentador de atletismo do Eurosport: “Trata-se de uma prova muito mediática e bem-dotada de grandes atletas, este ano, especialmente do lado feminino. Mais do que fazer grande marcas, ganhar em Nova Iorque é emblemático, tal como nas grandes maratonas de Londres e Berlim. 

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Corrida internacional «X Milhas do Guadiana» volta a unir Portugal e Espanha


Com a travessia da Ponte Internacional do Guadiana
 
Corrida internacional «X Milhas do Guadiana» volta a unir Portugal e Espanha
 
 
A prova transfronteiriça «X Milhas do Guadiana» volta a ligar as cidades de Vila Real de Santo António e Ayamonte (Espanha), no dia 6 de novembro, num fantástico percurso de 18,3 quilómetros que tem como atração a travessia da Ponte Internacional sobre o rio Guadiana.
 
Esta será uma edição especial, uma vez que se cumpre a 25ª edição da corrida. A partida terá lugar no Estádio Blas Infante, em Ayamonte, às 10h30 (hora portuguesa), estando a meta situada no Complexo Desportivo de VRSA, já em Portugal.
 
O facto de esta competição atravessar, no seu percurso, uma ponte que une dois países confere-lhe um carácter internacional, único na modalidade, sendo esperada a participação de um milhar de atletas.
 
Além da vertente desportiva, a prova está integrada no calendário de atividades da «Eurocidade do Guadiana», estrutura que tem como objetivo a promoção turística e cultural das localidades fronteiriças de VRSA, Castro Marim e Ayamonte.
 
As inscrições estão abertas até ao dia 2 de novembro e podem ser efetuadas na sede do Grupo Desportivo Pic-Nic (Portugal) ou no Patronato Municipal de Desporto de Ayamonte (Espanha).
 
Podem participar nesta corrida atletas com idade superior a 19 anos, inscritos individual ou coletivamente, federados ou não, que serão integrados num dos 7 escalões disponíveis.
 
As «X Milhas do Guadiana» são organizadas pela Comissão Mista Desportiva constituída pelas Câmaras Municipais de VRSA, Castro Marim e Ayamonte, pelo Patronato Municipal de Desporto de Ayamonte, Grupo Desportivo Pic-Nic e Clube de Atletismo de Ayamonte.
 
A prova de atletismo «X Milhas do Guadiana» teve a sua primeira edição em 1992, numa organização conjunta dos Municípios de Vila Real de Santo António e Ayamonte (Espanha), tendo assinalado, à data, a construção da Ponte Internacional do Guadiana.
 
 
 
25ª edição das «X Milhas do Guadiana»
 
Data: 6 de novembro de 2016
Hora partida: 10h30 (hora portuguesa)
Local da partida: Estádio Blas Infante (Ayamonte)
Local da chegada: Complexo Desportivo de VRSA
Percurso: VRSA - Castro Marim - Ayamonte
 
 

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

IV Trail de São Martinho dia 6 de Novembro em Condeixa-a-Nova



O IV Trail de São Martinho, realiza-se (já) no próximo dia 6 de Novembro, em Ega, Condeixa-a-Nova, com organização a cargo dos Ugas Trail Running, este trail conjuga os benefícios da corrida e dos amantes da natureza, com as excelentes condições ambientais e geográficas que a freguesia de Ega proporciona a todos os atletas, uma terra com oito séculos de história e oferece para a prática de trail running e caminhadas. 

Esta prova insere-se no Circuito Distrital de Trail de Coimbra, constituindo a sua sétima etapa, estima-se que participem nesta prova mais de 700 atletas vindos dos mais diversos ponto do país.

À semelhança das edições anteriores, a prova será constituída por um Trail de 25 Km e um Mini Trail de 13 Km, ambos com intuito competitivo. Decorre simultaneamente, uma caminhada pedestre, de carácter competitivo. A partida será dada no largo de São Martinho, com início previsto para as 09H: 30, sendo que meia hora mais tarde começará a Caminhada.

Esta prova conta com o apoio de os Ugas – Associação Desportiva e Cultural de Ega, da Câmara Municipal de Condeixa e Junta de Freguesia de Ega, bem como vérias entidades parceiras, que ano após anos se associam a esta iniciativa. As inscrições encontram-se abertas até ao próximo dia 27 de Outubro.

Para mais informações sobre este evento, consulte: www.trailsmartinho.pt